70 anos vida de um general e ex-ministro da Defesa Nacional

 

O veterano da Luta de Libertação Nacional e ex-ministro da Defesa Nacional, no primeiro mandato de Filipe Jacinto Nyusi (2015-2019), Major-General na Reserva Atanásio Salvador Mtumuke é um dos aniversariantes de hoje.

Mtumuke, que é natural do distrito de Muidumbe, província de Cabo Delgado, nasceu em 28 de Maio de 1950, o que significa que completa, hoje, 70 anos de idade. Numa breve investigação feita pelo Dossiers & Factos, apurámos que Mtumuke fez o seu ensino primário na Missão Imbuhu e o secundário no Chiúre Novo, tendo concluído este nível no Instituto Moçambicano, em 1966, quando já se tinha integrado na Frente de Libertação de Moçambique (FRELIMO).

Da mesma pesquisa, apurámos igualmente que Mtumuke prosseguiu com os estudos na Academia Militar Vistrel, em Moscovo, onde se formou como oficial na área militar, na antiga União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), de onde viria a ser graduado como chefe da Brigada de Infantaria Motorizada, em 1978.

Dois anos depois da sua graduação (1980), Mtumuke foi patenteado com a categoria de Major-General das Forças Armadas de Moçambique, onde de seguida viria a ocupar vários cargos de comando no Exército governamental, em diferentes pontos do país.

Recuando no tempo, sabe-se igualmente que durante o período da Luta de Libertação Nacional, dentre vários cargos, desempenhou também as funções de comandante de secção na região do Niassa Oriental, entre 1966 e 1968.

Mtumuke foi igualmente o comandante que dirigiu as investidas ao assalto do estratégico e histórico Quartel de Omar, em Namatil, província de Cabo Delgado, onde, segundo narram as testemunhas, foi um dos últimos redutos das tropas coloniais portuguesas. Este assalto, que culminou com a rendição das tropas fascistas portuguesas, foi efectuado sem um único disparo por parte das Forças Populares de Libertação de Moçambique (FPLM). DF

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content