Centros de acomodação intactos na Beira

 

Após fustigar as províncias de Sofala, Inhambane e Zambézia, o ciclone eloise transformou-se numa tempestade tropical moderada e assola, a esta altura, a província de Manica, para depois seguir rumo ao vizinho Zimbabwe. Em Sofala, já se faz o balanço, ainda que de forma preliminar. O Instituto Nacional de Redução do Risco de Desastres não tem registo de qualquer dano nos centros de acomodação montados na cidade da Beira.

“Da interação que houve com as pessoas, constatou-se que não houve nenhum dano dentro dos centros de acomodação”, explicou à Rádio Moçambique a Presidente do INGD, Luísa Meque. O INGD está em todas as zonas de risco e pronto para prestar a necessária assistência.

 

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content