CINCO ANOS DEPOIS: Mário Sinamunda regressa ao Ferroviário da Beira

 

É um dado adquirido. Mário Sinamunda volta, esta época, a vestir as cores do Ferroviário da Beira, cinco anos depois de ter deixado o clube beirense para seguir outros sonhos profissionais.

Texto: Arão Nualane

O avançado moçambicano representou durante muitos anos a formação do Ferroviário da Beira, clube que o lançou para a ribalta, juntamente com outros nomes como é o caso de Reinildo Mandava, que actualmente milita no Lile da França.

Refira-se que o avançado será apresentado na próxima segunda-feira com reforço do Ferroviário da Beira, marcando, desta feita, o regresso do jogador à colectividade cinco anos depois.

Sinamunda deixou os locomotivas da Beira pela porta da Liga Desportiva de Maputo, no ano de 2015 e, em 2017, rumou para a União Desportiva de Songo, onde trabalhou com o treinador Chiquinho Conde, com o qual venceu o seu primeiro campeonato nacional com os hidroeléctricos.

Com as cores da turma da União Desportiva de Songo, “Super Mário” como é conhecido nos meandros futebolísticos nacionais ganhou três importantes troféus nacionais: Duas vezes campeão nacional (2017 e 2018), e uma vez vencedor da Taça de Moçambique, no ano de 2019.

Super Mário participou com a formação de Songo por três ocasiões das provas da CAF, a saber, eliminatórias para a fase de grupos da liga dos campeões africanas e Taça CAF. De referir de o Ferroviário da Beira, esta época, será treinado por Akil Marcelino.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content