Comprar Jornal Dossiers & Factos Por M-Pesa | CLICA AQUI

DestaqueSociedade

Desmobilizados últimos membros da Junta Militar

O enviado pessoal do secretário-geral das Nações Unidas a Moçambique anunciou a desmobilização, ontem, 01 de Dezembro, de 24 membros da Junta Militar da Renamo, num acto que teve lugar no distrito de Murrupula, província de Nampula. De acordo com Mirko Manzoni, trata-se dos últimos elementos do grupo de dissidentes que era liderado por Mariano Nhongo, entretanto abatido pelas Forças de Defesa e Segurança.

“Trata-se de um desenvolvimento significativo que encerra o capítulo sobre a JMR, continuando a reforçar os esforços de Moçambique no sentido da consolidação da paz definitiva”, realça o enviado pessoal de António Guterres.

Em comunicado enviado à nossa redacção, Manzoni refere que o processo de Desmobilização, Desarmamento e Reintegração (DDR) vai continuar em Murrupula até meados de Dezembro, prevendo-se que “63% de todos os beneficiários do DDR acolham o novo ano em casa, com as suas famílias e nas suas comunidades”. D&F

Comprar Jornal Dossiers & Factos Por M-Pesa | CLICA AQUI

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo