Helena Kida reconhece necessidade de reforço dos tribunais para lidar com terrorismo

A ministra da Justiça e Assuntos Constitucionais, Helena Mateus Kida, manifestou esta posição na manhã desta segunda-feira (19), depois de ter dirigido a cerimónia de início de imunização da população prisional, num evento que decorreu num Estabelecimento Prisional de Maputo.

“A situação de Cabo Delgado é também uma que merece toda a nossa atenção. E é verdade que hoje começa-se a pensar se é eficiente ou eficaz para crimes de natureza específica que são de guerra. Neste caso, se os tribunais comuns, que nós temos, têm de ser estes ou não a julgar esta matéria” – declarou a governante, reconhecendo a “necessidade sim de se reforçar e capacitar (os magistra-dos) de modo que haja um tratamento próprio e diferenciado”.

Nos mesmos termos, o Presidente da Associação Moçambicana dos Juízes, Carlos Mondlane, também havia se pronunciado nos mesmos termos, defendendo a recriação dos tribunais de militares, para lidarem especificamente com crimes de militares, por considerar que os tribunais comuns estão apenas preparados para lidar com crimes comuns.

 

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content