IGEPE obriga EDM a ‘esquecer’ os dólares

O Instituto de Gestão das Empresas Participadas pelo Estado (IGEPE) acaba de anular a circular sobre a fixação de subsídios em dólares, publicada no passado dia 06 de Maio.

“Reunida, hoje, dia 10 de Maio de 2021, a Assembleia Geral Extraordinária do IGEPE deliberou: anular a circular nr. 03/CA-PRH/2021, de 06 de Maio, sobre a fixação da taxa de câmbio a ser aplicada para a conversão das componentes em UDS das remunerações e pensões, bem como os seus efeitos; determinar o pagamento de todas as remunerações da empresa EDM em moeda nacional (Metical); converter a componente da remuneração em dólares norte-americanos para Meticais, ao câmbio médio de referência no mercado em vigor na data desta deliberação”.

A EDM paga remunerações e pensões em dólares e fixou a taxa de câmbio em 75 meticais a unidade da moeda norte-americana, numa altura em que está a ser transacionada a menos de 60 meticais no mercado.

A EDM justificou tal decisão com a depreciação do dólar, nos últimos meses, face ao metical, que, por esta via, tem afectado negativamente o poder de compra dos trabalhadores.

Mais  Destaques

error: Conteudo protegido!!
Scroll to top
Skip to content