MDM queixa-se de agressões e perseguições em Namaacha e Matutuine

 

O cabeça de lista do MDM, na província de Maputo, considera que a campanha eleitoral da sua formação política neste ponto do país, arrancou sem sobre saltos, havendo a lamentar apenas, o que chama de atitudes que mancham o evento político, por parte de outros partidos políticos, que não deixam os membros do partido do “galo” trabalhar.

Texto: Arão Nualane

“Em Namaacha nosso membro e companheiro foi agredido por alguns membros da Frelimo. Reportamos isso à polícia e o assunto está a ser tratado ao nível da procuradoria distrital de Namaacha. Tivemos também uma situação em Matutuine, onde o nosso delegado está a sofrer uma perseguição e chantagem através do Comando Distrital”, apontou o dedo acusador.

Falando em concreto da província de Maputo, Pelembe diz que caso chegue ao cargo de governador vai reduzir o índice de desemprego que assola os jovens e criará condições para alavancar a economia, que no seu ponto de vista não está nada bem. 

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content