Mia Couto estranha existência de tantos especialistas que nem conhecem Cabo Delgado

O escritor moçambicano, Mia Couto, manifestou recentemente está preocupação falando à imprensa, à margem da cerimônia de lançamento da VII edição do Concurso Jovem Criativo 2021.
“Eu estranho que haja tantos especialistas, no mundo, que estão a mais de 20 mil quilómetros de distância e vem nos explicar o que se está a passar em Cabo Delgado. É estranho que surjam tantos especialistas sobre os nossos assuntos internos”, declarou Mia Couto, mostrando reservas sobre a eficácia de uma e eventual intervenção estrangeira em Cabo Delgado.
“Nenhum país encontrou numa intervenção estrangeira uma solução miraculosa. Não será por trazermos tropas estrangeiras, que de repente, a situação vai se alterar profundamente”‘, considerou o escritor.
No seu entendimento, nesta fase do conflito, não convém fazer análises a cerca de quem e eventualmente é o culpado, sob o risco de dividir a nação. “Não é altura de fazer essa análise, porque nesse processo há aproveitamentos que são feitos que nos desunem. Essa é uma análise para mais tarde, quando já tivermos vencido esse demónio que entrou dentro da nossa casa. Aí sim, podemos procurar o que falhou”.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content