Município da Matola vai criar serviço de atendimento online ao munícipe

 

Para reduzir os aglomerados nas instalações do Conselho Municipal e nas respectivas vereações, o Conselho Municipal da Matola, em parceria com a PayTech, vai criar um serviço de bilhética, que vai permitir aos munícipes efectuar vários serviços online, como o pagamento de taxas municipais, através de telefonia móvel. 

O memorando de entendimento foi assinado na manhã de hoje, quarta feira, entre o Conselho Municipal da Matola e a PayTech. 

Para o executivo da Matola, este serviço vem em momento oportuno, pois o distanciamento e evitar aglomerados é a recomendação das autoridades e uma das regras do estado de emergência vigente no país pelo terceiro mês consecutivo. 

Além disso, o serviço vai reduzir a morosidade no tratamento de alguns documentos, como também irá reduzir a circulação de dinheiro e consequente desvio de fundos.

Segundo o porta-voz do Conselho Municipal da Matola, Firmino Guambe, esse acto significa um ganho, mais uma ferramenta para os serviços que o município disponibiliza para os seus munícipes, no âmbito das tecnologias de informação.

“Estamos a busca de soluções para um atendimento mais acessível, numa altura em que o mundo atravessa uma situação complicada. Esperamos que possa trazer mais comodidade aos munícipes no contexto do acesso a informação, de uma forma mais célere e segura, e também vai permitir que haja maior transparência”, explicou.

Segundo Kim Cruz, representante da PayTech, esse aplicativo é desenhado para facilitar a vida do munícipe, mas também para trazer o município enquanto uma instituição de governação, para as mãos do munícipe.

“Mesmo que o munícipe esteja distante da instituição, estará sempre próximo, porque terá o seu município próximo. Dentre várias possibilidades, temos a de o munícipe aceder a serviços municipais, marcação de audiência, submissão de consultas e pagamento de impostos e taxas municipais”, disse.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content