“Não estamos aqui para vos calar a boca”

– Júlio Parruque, governador da província, na visita à redacção do “Dossiers & Factos”

O governador da Província de Maputo proferiu estas palavras na tarde de hoje, durante a visita que efectuou as instalações da “ST Projectos e Comunicação”, a empresa que detém o jornal semanário Dossiers & factos e o Dossiers Económico.

Na ocasião, Parruque saudou a direcção editorial do jornal, na pessoa do seu director, Serôdio Towo, pela oferta de um computador ao “Canal de Moçambique”, em solidariedade para com aquele órgão de comunicação social.

Para o dirigente, as liberdades de expressão e de imprensa não devem ser postas em causa, daí a importância de órgãos de informação privados. De resto, Júlio Parruque entende que a importância deste sector (comunicação social) não se resume a provisão da informação. “Moçambique precisa de jornais privados, não só por uma questão de diversificação de fontes, mas também pelos postos de emprego que eles criam. Estão aqui jovens a trabalhar”, salientou.

Em tempos da pandemia do Coronavírus o “condutor dos destinos” da província de Maputo elogiou a organização do Dossiers & Factos e afirmou que “estou surpreso com os níveis de organização da vossa redacção, incluindo os aspectos de higiene e o tipo de equipamento que usam”.

Falando aos colaboradores da ST Projectos, Parruque disse contar com a colaboração do semanário para “colorir o ambiente na província”, sublinhando que Dossiers & Factos é como “o sol”, para o qual não é preciso olhar para constatar o brilho.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content