Parruque promete casa da cultura para os artistas da província

 

Uma Casa da Cultura, um programa anual de homenagem até ao fim do quinquénio, absorção da produção cultural pelo sector do Turismo e estruturar mecanismos que garantam renda aos artistas, entre outros, foram as promessas feitas hoje, sexta-feira, 26/02/21, pelo governador Júlio Parruque aos músicos da “velha guarda” da província de Maputo.

As promessas foram feitas na homenagem que o governador prestou, no seu Gabinete de Trabalho, a um grupo de renomados músicos que participaram, recentemente, no programa televisivo “Moçambique em Concerto” na rubrica “Batalha dos Clássicos”.

Trata-se dos músicos Humberto Carlos Benfica (Wazimbo), Salimo Muhamad, António Marcos, José Barata, Elvira Viegas e Aida Humberto.

Depois de apresentarem as suas opiniões, pontos de vista sobre como deve ser a Cultura na Província, bem como as dificuldades que enfrentam, Júlio Parruque disse que, na governação descentralizada, quer contar, pessoalmente, com os artistas da Província.

Frisou que os encontros entre os artistas e o governador da Província devem fluir com naturalidade e regularidade. Júlio Parruque apelou aos artistas, em particular os músicos, para que continuem a participar em programas que os exponham mais, tal como são os programas promovidos pelo dono da TV Sucesso e Deputado Gabriel Júnior.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content