Presidente do BAD quer mais empregos para jovens

 

Akinwumi Adesina falava ontem, instantes depois de tomar posse para o seu segundo mandato no Banco Africano de Desenvolvimento. Na ocasião, defendeu igualmente a criação de políticas públicas para os Estados Africanos, apoio da gestão da dívida pública dos mesmos e o aumento do crescimento verde.

Eleito de forma unânime por todos os países membros da organização, Adesina promete apoiar as nações africanas para o alcance desses objectivos, através de um maior diálogo no que diz respeito às políticas públicas.

Em relação ao coronavírus, o nigeriano, que já dirigiu o Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural, entende que a pandemia mudou tudo globalmente e atirou para trás o crescimento de África, que perdeu os ganhos e o crescimento económico assegurados durante os últimos dez anos. Em face disso, Akinwumi Adesina antevê uma recuperação longa e desafiante.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content