UE espera mandar missão militar para apoiar Moçambique

União Europeia espera poder mandar missão militar para apoiar Moçambique no Contraterrorismo entre três a quatro meses.

A informação foi tornada pública recentemente pelo ministro português da Defesa, João Gomes Cravinho, citado pelo jornal Ponto por Ponto.

A referida missão, tem como principal foco formar as Forças de Defesa e Segurança (FDS).
“O tempo de montar uma missão será na ordem de três a quatro meses talvez mais rápido, mas convém contar com esse tempo. Portugal será naturalmente um dos participantes desta missão de formação da UE”, explicou o governante português, indicando que está em conversações com vários ministros de defesa daquele bloco regional, muitos dos quais manifestaram disponibilidade para integrar a missão. (sala da paz)

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content