V Conferencia Provincial da Mulher e Género: Promovendo equidade de género em todas esferas de desenvolvimento do país

 

Promover a equidade de género nas diferentes esferas do desenvolvimento económico, social, politica e cultural, aliada ao empoderamento da Mulher, por reconhecer que ambos constituem fundamentos indispensáveis na prossecução do desenvolvimento sustentável almejado é um dos objectivos estratégicos do Governo, tal como deu a conhecer, Raimundo Diomba, hoje, em Maputo.

Texto: Lídia Cossa

Raimundo Diomba, governador da província de Maputo falava hoje na abertura da V Conferencia Provincial da Mulher e Género, na província de Maputo.

Segundo Diomba, a Mulher desempenha um papel muito importante no processo de desenvolvimento económico de uma nação, aliado a sua capacidade de criação do bem-estar social e cultural a todos níveis. E o Governo reconhece estas virtudes e a força que a Mulher tem neste domínio.

Assim sendo, vincou o compromisso do Governo, de continuar a criar oportunidades para que a Mulher, avance incansavelmente, dando a sua contribuição no processo de desenvolvimento do país e da província de Maputo, em particular.

No actual contexto político, económico e social, o Governo desafia a Mulher a ter capacidade intelectual, olhar crítico e busca de estratégias, para vencer a descriminação da pátria.

“A aprovação da nova Lei de Família, pela Assembleia da República, vem reforçar cada vez mais a necessidade de continuarmos a combater os casamentos prematuros e as uniões forçadas. Nos dias que correm, somos aconselhados a reflectir sobre os actos discriminatórios da Mulher, no processo de desenvolvimento e noutros domínios da vida, criando exclusão na perspectiva de género”, disse Diomba.

 O governador aproveitou a ocasião para reiterar mais uma vez tolerância zero a quem julgar resolver problemas com base na violência.

“Este momento constitui um marco importante para a promoção da igualdade de género, lutando severamente contra os perpetradores da violência baseada no género e outras formas de violência na nossa província. Pelo que, decretamos uma vez mais, tolerância zero a quem julgar resolver seus problemas na base da violência”, sustentou.

A V Conferência Provincial da Mulher e Género decorreu, sob o lema: “Consolidemos a Mulher na Cidadania para uma Construção Efectiva da Sociedade”.

Mais  Destaques

Scroll to top
Skip to content